• Moto Premium

HARLEY-DAVIDSON 2021 A revolução continua com a apresentação de novo motor

A tradicionalíssima norte-americana Harley-Davidson, uma das marcas mais valiosas do mundo e a mais notória do universo motociclístico, segue em ebulição. A nova medida revolucionária é o lançamento de um novo motor. Ele é de dois cilindros em V, configuração preferida pela marca desde 1911, mas o conservadorismo acaba por aí. A refrigeração é líquida e o ângulo entre os cilindros é de 60 graus, ao contrário dos 45 graus adotados continuamente até então –vale dizer que, em regra geral, quanto mais aberto o V, melhor: mais potência em alta e menos vibrações.




O belíssimo propulsor, que atende pelo nome de Revolution Max, vem para equipar dois modelos que fazem jus ao adjetivo incendiário: a street fighter Bronx (homenagem a um

bairro de Nova York) e a supertrail Pan America. a nova linhagem de modelos é chamada pela fábrica de More Roads, mais estradas, ou mais caminhos, em tradução livre.

Na Bronx, o motor terá 975 cc (a H-D informa “mais” de 115 cv de potência máxima e 9,7 kgf.m de pico de torque) e na Pan America, 1.250 cc (“mais” de 145 cv e 12,4 kgf.m).

Segundo a montadora, o novo motor Revolution Max tem, em ambas as versões, largo espectro de utilização, com boa oferta de torque em baixos regimes e intensa potência em alta rotação. Balanceiros internos atenuam vibrações.


O motor, mesmo mais leve que seus predecessores, integra a estrutura de chassi dos dois modelos como elemento estrutural, outra novidade para a Harley.

O V2, como em tudo na marca, teve design caprichado, para sugerir força muscular e, ao mesmo tempo, elegância.



8 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

© 2020 MOTO PREMIUM.