• Moto Premium

Scooters e motonetas elétricas ganham espaço no Brasil

Modelos farão a diferença para o bem-estar e a mobilidade urbana



O Salão do Scooter, encerrado neste domingo dia 16 de outubro, no Novo Distrito Anhembi, em São Paulo, mostrou que os veículos elétricos de duas rodas ganham, a cada dia, mais espaço nas ruas das cidades brasileiras e centros urbanos, e vão colaborar muito para a mobilidade urbana, bem-estar e qualidade do ar. Os scooters e motonetas elétricas foram os destaques e chamaram a atenção dos visitantes, inclusive na procura pelos test-rides para pilotar os mais de 20 modelos disponíveis.

“Os test-rides foram o grande diferencial da primeira edição do Salão do Scooter, pois atraíram os consumidores interessados em conhecer melhor os diferentes modelos, sobretudo os elétricos, que têm proposta de condução diferente dos modelos convencionais”, destacou Eduardo Viotti, diretor da Market Press, promotora do evento.

O Salão do Scooter, que teve o apoio e contou com a presença de representantes de importantes entidades, como Simefre, Anfamoto e CET, entre outros, também colocou em discussão as novas formas de mobilidade humana, as tendências de consumo, o comportamento dos consumidores e os benefícios que as inovações tecnológicas podem trazer para a sustentabilidade.

Para Frederico Carneiro, Secretário Nacional de Trânsito (Senatran), o futuro da mobilidade urbana já chegou e que, com as novas tecnologias, é fundamental que o setor trabalhe para a regulamentação e se adeque à nova realidade elétrica para garantir mais segurança, bem-estar e sustentabilidade. “É importante que as entidades governamentais se preparem no tocante à legislação, segurança e proteção para esse consumidor e usuário”.

Com a regulamentação de emissões que entra em vigor em janeiro próximo, com a nova fase do Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos, Ciclomotores e Similares (Promot M5), os novos modelos disponíveis no mercado terão limite de emissão evaporativa de apenas 1,5 grama, além da obrigatoriedade da incorporação de sistemas de autodiagnose de bordo das funções de gerenciamento do motor que exerçam influência sobre as emissões.


MERCADO EM FRANCO CRESCIMENTO

O mês de setembro foi o melhor dos últimos nove anos no setor de duas rodas. A produção cresceu 28,3% no mês passado, na comparação com o mesmo mês do ano anterior, com 139,6 mil unidades fabricadas. Os fortes resultados têm sido puxados pela expansão dos serviços de entrega (delivery) e pela demanda por soluções de transporte individual mais econômicas. No acumulado dos nove primeiros meses do ano, 986,2 mil motos foram vendidas no Brasil, com crescimento de 17,3% frente a igual período de 2021.


SALÃO DO SCOOTER 2023

Em razão do sucesso alcançado, a segunda edição do Salão do Scooter será realizada em agosto de 2023. “O objetivo é manter o formato e focar na experiência do usuário e visitante com ampliação do espaço de test-ride, assim como das áreas de shows e gastronomia. Queremos firmar o Salão do Scooter como um evento para toda a família”, destaca Zoraida Lobato, diretora da Market Press.