• Moto Premium

Equipe Honda Racing lidera duas categorias no Ibitipoca Off Road

Dário Júlio (classe Brasil) e Vinícius Calafati (Graduado) saem na frente na briga pelos títulos da 31ª edição da prova


Bruno Crivilin, da equipe Honda Racing, no 1º dia de disputas do Ibitipoca Off Road 2021
Bruno Crivilin, da equipe Honda Racing, no 1º dia de disputas do Ibitipoca Off Road 2021

A equipe Honda Racing abriu a 31ª edição do Ibitipoca Off Road na liderança de duas categorias. Dário Júlio, da classe Brasil com a motocicleta CRF 250F, e Vinícius Calafati, que utiliza a CRF 250RX na Graduado, saíram na frente na briga pelos títulos da temporada 2021. As disputas tiveram como palco um percurso de 254,14 quilômetros entre Juiz de Fora e Conceição do Ibitipoca, em Minas Gerais, neste sábado (27/11).

A segunda e decisiva etapa da competição está marcada para este domingo (28/11), quando os pilotos pegarão o caminho inverso, com 205,27 km de desafios e destino a Juiz de Fora. O trajeto total da prova soma cerca de 459 km.

Em busca do quinto título da carreira no Ibitipoca Off Road, o mineiro Dário Júlio comentou que a prova exigiu bastante dos pilotos neste primeiro dia. “Foi cansativo, com muita trilha e alguns pontos de médias bem justas. A prova teve 8h42min na nossa categoria, o principal desafio foi manter a concentração durante todo esse tempo”, explica, destacando o domínio da equipe Honda Racing na classe Brasil.

Tiago Wernersbach, também com a CRF 250F, está em segundo lugar na tabela. “Ele andou muito bem e a disputa foi intensa entre nós. A prova está aberta, vamos resolver para a Honda ficar no topo”, aposta Dário Júlio. O capixaba Wernersbach, que disputa o Ibitipoca Off Road pela primeira vez, completa: “Vamos nos concentrar para dar tudo certo neste domingo”.

Outro estreante na prova, Calafati, que se dedica às competições de enduro FIM (contra o relógio), disputa pela primeira vez uma prova de regularidade. E já começou na liderança da disputada categoria Graduado. “Que estreia, não esperava esse resultado. Vim para me divertir e conhecer a modalidade. Tive que ficar bem atento, até doeu a cabeça de tanto olhar a planilha com atenção máxima, mas consegui acertar bem, errei muito pouco. Espero manter o desempenho no segundo dia”, conta o paulista.

Na categoria Elite, Bruno Crivilin, que também veio do enduro FIM, teve contratempos. Mesmo assim, ele ficou em quarto lugar com a Honda CRF 250RX. “É a minha primeira vez no Ibitipoca e estou surpreendido com a região, as trilhas e a organização do evento. O dia foi complicado, mas no final foi tudo certo. Tive problemas com a planilha no celular no começo da prova, fiquei algum tempo apenas seguindo os rastros. Depois peguei um bambu ou um cipó, não sei, que fez um corte no meu pescoço faltando três horas para terminar. Levei alguns pontos e estou contente com o quarto lugar da Elite, agora vou ver se eu largo neste domingo”, explica o capixaba.

O outro representante da equipe na Elite foi o mineiro Thiago Veloso, sexto colocado do dia. “Andei bem na primeira parte, mas havia uma referência confusa e perdi bastante tempo nela, o que me tirou da disputa. Agora vou corrigir os erros para entrar no Top 5”, finaliza.

Os pilotos da equipe Honda Racing que disputam o Enduro de Regularidade são patrocinados por Pro Honda, ASW, Michelin, Borilli, DID, Alpinestars e Seguros Honda.


Resultados extraoficias - 31º Ibitipoca Off Road

Dia 1 (três primeiros)

Categoria Elite

1 - #6 Luciano Paiva – 50 pontos

2 - #3 Jomar Grecco – 42 pontos

3 - #2 Emerson Loth – 40 pontos

4 - #11 Bruno Crivilin – Honda Racing – Honda CRF 250RX – 38 pontos

6 - #10 Thiago Veloso – Honda Racing – Honda CRF 250RX – 30 pontos

Categoria Graduado

1 – #38 Vinícius Calafati – Honda Racing – Honda CRF 450RX – 50 pontos

2 - #22 Saulo Bolandini – 44 pontos

3 - #18 Erasmo Schwanz – 34 pontos

Categoria Brasil

1 – #57 Dário Júlio – Honda Racing – Honda CRF 250F – 47 pontos

2 – #59 Tiago Wernersbach – Honda Racing – Honda CRF 250F – 45 pontos

3 - #61 Felipe Arantes – 42 pontos


PROGRAMAÇÃO

Domingo - 28/11

Conceição do Ibitipoca a Juiz de Fora (MG)

7h – Largada

14h – Chegada

19h – Premiação

Total 2º dia: 205,27 km


Total da prova: 459,41 km


*A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.