• Moto Premium

Billy Joel

Por: Ricardo Couto

Astro acelerado - Cantor pop americano transforma motos atuais em modelos de época, fazendo as máquinas voltarem no tempo. Sua coleção tem mais de 75 exemplares únicos e exóticos


Autor de hits famosos nos anos 70, 80 e 90, o músico e cantor norte-americano Billy Joel é conhecido nos Estados Unidos como Piano Man, por sua destreza ao tocar esse instrumento. A mesma habilidade ele aplica para transformar motos atuais em modelos de estilo vintage. Apreciador de design de época, ele faz máquinas modernas e cheias de tecnologia regredirem no tempo, de forma artesanal, praticando uma espécie de engenharia reversa.

Em sua loja, a 20th Century Cycles, inaugurada em 2010 em Oyster Bay, Long Island, no Estado de New York, ele tem mais de 75 exemplares de modelos raros e exóticos, todos modificados com seu toque pessoal. Além de abrigar loja e oficina, o espaço funciona como uma exposição aberta ao público e aos aficionados por motos.



O espaçoso galpão, com teto alto e várias clarabóias, acolhe uma coleção impressionante, incluindo motos vintage britânicas e italianas da época da Segunda Guerra Mundial, bem como modernas Harley-Davidson, que foram alteradas para transmitir um visual ainda mais retrô.

Joel tem modelos clássicos, bobbers, baggers e Café Racers de fabricantes como Harley-Davidson, Indian, Royal Enfield, Triumph, BMW, Moto Guzzi, e raros exemplares japoneses. Todos foram adaptados, de uma ou outra forma, em máquinas pilotáveis hoje, com apelo visual no passado.



As Harley-Davidson e Royal Enfield predominam no acervo, ao lado das Café Racer. Uma das motos favoritas de Joel é uma Kawasaki 1999, que ele transformou em uma bobber BSA. “Todos os dias tenho algo diferente. Eu gosto de cada uma delas por razões diferentes.”

As motos mais raras da coleção de Joel são uma Harley-Davidson 1977 estilo Café Racer e uma Vincent Rapide 1952. “A Harley-Davidson tentou introduzir uma moto estilo Café Racer no mercado americano em 1977 e ela não decolou. As pessoas não entenderam a proposta. É uma bela moto, uma edição limitada de corrida. A Vincent Rapide 1952 é provavelmente a moto mais valiosa daqui. São raras e eram muito avançadas para a época”, afirma Joel.

Ele explica que existem várias formas de customização reversa para criar uma moto como estas. “Você pode construir o modelo a partir do zero ou modificar uma moto de linha já existente. Foi o que fizemos com a minha Harley-Davidson Sportster e a Springer Classic. Ou você pode simplesmente pegar uma moto nova e colocar acessórios de época, que é mais simples, mais rápido e, provavelmente, a forma mais barata de fazer”, diz.

Joel cita como exemplo a sua Royal Enfield de estilo militar. “A moto veio de linha já parecida com isto. Mesma cor e o mesmo set-up. A única coisa que fiz foi trocar os assentos, colocar um ao estilo inglês, pôr placa no para-lama dianteiro, substituir os emblemas do tanque por um da RAF – Real Força Aérea britânica. Foram apenas alguns toques personalizados que acentuaram seu aspecto vintage. São verdadeiras obras de arte. Tudo na moto foi feito à mão.”


A ideia de criar o local surgiu depois que Joel se aproximou de Rob Schneider e Bill Blackford, donos de uma revenda Harley-Davidson de Long Island, para personalizar sua Harley Sportster com design retrô. Joel ficou tão impressionado com o resultado que lhes pediu para customizar uma segunda moto. A partir daí decidiu entrar no negócio.

Joel cuida pessoalmente da reforma das motos. Ele coordena a reconstrução, mas seu mecânico executa a maior parte do trabalho. “Só mantenho aqui as motos que posso usar e pilotar.” O que começou como um hobby, com o tempo acabou se tornando coleção. Agora, ele compartilha seu acervo, abrindo o espaço ao público, para que as pessoas possam ter ideias sobre como personalizar suas máquinas.



Além de abrigar a oficina e a área de exposição, o local serve de inspiração para visitantes que desejam modificar suas próprias motos. “As pessoas não têm dinheiro para comprar coisas caras. Preferem fazer o trabalho de personalização na garagem de casa. Têm que começar com uma moto de baixo custo. Muitas dessas motos daqui são exatamente assim.”

Joel explica que as pessoas que visitam o seu acervo se confundem, sem saber o que é moto antiga ou moto nova com estilo vintage. “Todas elas são confiáveis, seguras, confortáveis e funcionam”, afirma.

28 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

© 2020 MOTO PREMIUM.