• Moto Premium

Yamaha Tracer GT 900

A Yamaha Tracer 2021 garante o melhor desempenho na estrada com uma combinação quase ideal entre esportividade e conforto!


Por: Eduardo Viotti


Yamaha Tracer GT 900 em curva
Com o entre-eixos ampliado, a Tracer é muito estável nas curvas de alta

No final de 2019, a Yamaha apresentou a GT 900 Tracer como um modelo independente da famí - lia MT, das Masters of Torque (Mestre do Torque, na vida real, ela continua sendo…). A sigla GT, de Gran Turismo, define precisamente a motocicleta: muita disposição para longas viagens em estradas, mas com uma intensa pegada de pilotagem esportiva. A moto é confortável e ins - tigante, em uma combinação espetacular.

Custando R$ 58.790,00 (mais o frete, que varia de Estado para Estado) a nova sport touring é oferecida em azul mate, fosco, com rodas pretas (como nesta versão avaliada) e em preto, então com as rodas azuis.

Yamaha Tracer GT 900 2021
Guidão cônico de alumínio mais estreito

A GT 900 Tracer tem o garfo dianteiro invertido totalmente ajustável. Os amortecedores dianteiros são ajustáveis em pré-carga, compressão e retorno, adaptando-se ao peso sobre a moto e ao estilo de pilotagem. Na suspensão traseira, o amortecedor oferece ajuste de retorno, e a pré-carga da mola passa a ser regulada por um manípulo de fácil acesso, inclusive com luvas e com a moto em movimento. A balança traseira de alumínio aumenta a distância entre eixos em relação à MT-09. O maior entre-eixos proporciona mais estabilidade em curvas de raio longo e maior conforto em longas permanências, minimizando as oscilações frontais, no sentido longitudinal do chassi. A moto fica mais estradeira, mas também menos ágil e esportiva.

Banco da Yamaha Tracer GT 900
Banco bipartido é confortável e ergonômico

Os assentos são separados para piloto e garupa, com ajuste de altura bem fácil: basta retirar o banco e reposicioná-lo mais para trás (ou à frente), que a elevação se altera. Na traseira, amplas alças de alumínio, boas para servir de apoio para o garupa e para a amarração de malas e bagagens. O para-brisa é muito fácil de ajustar, mesmo com a moto em movimento, e tem uma boa área de proteção, sem nenhum comprometimento da visibilidade.

Entre os itens de conforto destacam-se os aquecedores de manopla, acessórios que parecem pouco úteis, mas que em uma situação de frio e chuva mostram seu valor.

O guidão cônico de alumínio é estreito, melhor nos corredores do tráfego urbano pesado e também torna mais natural e menos cansativa a posição de trabalho de braços e ombros, ótimo para longas viagens.

As pedaleiras do garupa são posicionadas para dar maior conforto ao passageiro em trajetos longos, mantendo as pernas menos flexionadas.

O piloto automático (cruise control), mantém a velocidade de cruzeiro escolhida –entre 50 km/h e 180 km/h– a partir da 4ª marcha. Infelizmente, esse dispositivo não é muito útil nas pouco disciplinadas estradas do Brasil, onde a moto é constantemente fechada por outros veículos e é difícil manter velocidade constante. Mesmo assim, ajuda a evitar multas nas autopistas.

A GT 900 Tracer tem um painel TFT de última geração, colorido e de alta definição. Ele pode ser customizado pelo piloto e é sensível à luminosidade ambiente, alterando cor e luminosidade à medida em que escurece.

Painel da Yamaha GT 900 Tracer
Painel TFT programável em visual, cor e nas informações

É bem completo, com indicador de marcha, nível de combustível, posição do D-Mode, conta-giros, odômetros, consumo médio e instantâneo, autonomia restante, temperatura do motor e do ambiente. A shift light é programável: você pode escolher a rotação em que ela acende para indicar a troca de marcha.


MOTOR FEROZ

Motor da GT 900 Tracer Yamaha
Motor CP-3 Crosplane com ordem de explosão a cada 90º

A Yamaha GT 900 Tracer utiliza o mesmo motor bravo de três cilindros e 847 cc de cilindrada com virabrequim Crossplane da MT-09, com acelerador eletrônico Ride-by-Wire, que disponibiliza controle de tração de dois níveis e que também pode ser desligado.

Esse tricilíndrico entrega 115 cv de potência máxima a 10.000 rpm e atinge o pico e torque de 8,92 kgf.m a 8.500 rpm. O peso da Tracer com o tanque de combustível de 18 litros cheio é de 215 kg, e com isso ela oferece uma relação peso x potência de 1,86 kg para cada cv. O consumo varia bastante de acordo com a manopla direita: vai de 28 km/l a 100 km/h constantes a 14 km/l com a mão embaixo…

O câmbio de seis marchas com Quick Shifter permite trocas de marcha muito rápidas –apenas para cima– sem a necessidade de acionar a embreagem. A embreagem é assistida (alivia em 20% a força necessária para o acionamento da alavanca) e o sistema deslizante impede que a roda traseira trave nas reduções mais bruscas.

Os três modos de entrega de potência, denominados D-Mode, alteram as respostas do acelerador, sendo a STD a original; o modo A com respostas super-rápidas e o modo B mais manso e apropriado para uso econômico.

Yamaha GT 900 Tracer 2021 Brasil
Estabilidade e aceleração de esportiva, com conforto de estradeira

O chassi de alumínio é leve e rígido, um belo e atual projeto. Os freios são potentes. Dois discos de 298 mm na dianteira, com pinças radiais de quatro pistões contrapostos; e disco único traseiro de 245 mm com pinça simples. O ABS é moderno, delicado, não muito intrusivo.

As luzes são de LED, exceto os piscas. O conjunto óptico dianteiro duplo conta com quatro lâmpadas de LED e luz de posição diurna, DRL.

A 900 GT Tracer é a moto de escolha para quem conhece o conceito de Gran Turismo, o mesmo dos automóveis GT: viajar com conforto, mas com desempenho brilhante e usufruindo plenamente do prazer de pilotar.

Ficha técnica Yamaha Tracer GT 900 2021

33 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo